RSS
 

12 Jul

 

 

No artigo “Soluções Caseiras com Chocolate – Parte 1”, tínhamos começado a conhecer algumas situações onde o Chocolate pode ser a chave para o alívio de alguns sintomas e para a reposição do nosso bem estar.

Neste artigo vamos conhecer mais alguns desses distúrbios:

 

Depressão

O chocolate eleva os níveis de serotonina no cérebro. Com teor maior de cacau, também contém epicatequina e ácido gálico, que são substâncias antioxidantes com propriedades defensoras do coração e, até mesmo, antitumorais.

O produto ainda conta com outras susbtâncias como a feniletamina, que é um composto análogo à anfetamina e age como antidepressivo, e a teobromina, que é um leve estimulante.

Dado que o consumo moderado do chocolate reconforta e preenche uma sensação e vazio que muitas pessoas sentem, aconselha-se tomá-lo com alguma regularidade.

 

Disfunção Cognitiva

Quando os pensamentos parecem não se ordenar, uma barra de chocolate quente pode servir como amigo da mente.

Tendo a mesma função de uma chávena de café, uma barra de chocolate, especialmente se for recheada com temperos, ervas ou frutos, será funcional e rápida a actuar.

O chocolate também pode ajudar em casos de distracção: uma barra de chocolate auxilia na concentração, tudo devido ao ferro contido no chocolate que tem a função de distribuir oxigénio ao corpo e às células do cérebro.  A falta de ferro é o que prejudica a concentração.

 

Dores Musculares

Por ser rico em magnésio, um mineral que pode ajudar a combater as dores musculares, o chocolate liberta endorfina no cérebro, uma substância analgésica natural.

 

Fadiga

O chocolate é fonte energética. Assim, uma boa taça de chocolate amargo ajuda a repôr os gastos das actividades quotidianas. Se o juntarmos a algumas frutas como a banana, por exemplo, esse alimento ficará não só delicioso como mais eficaz.

 

Libido

Com o consumo de chocolate o cérebro liberta substâncias químicas como a serotonina, fenilanina e eleva os níveis de dopamina, composto químico produzido pelo cérebro que funciona como estimulante do sistema nervoso central.

 

Flatulência

O chocolate amargo misturdo com menta e uma chávena de chá quente de camomila  são funcionais.

Usado há anos, o chocolate acalma o estômago e o trato intestinal.

 

Insónias

Lembrando que o chocolate não contém tanta cafeína, o triptofano do leite e do chocolate tem função calmante, enquanto o magnésio relaxa os músculos, auxiliando assim no combate às insónias.

 

Perda Óssea

A perda óssea é uma doença caracterizada por baixa massa óssea e deterioração estrutural do tecido ósseo.

O chocolate com 70 % de cacau é usado como fortificante por incluir magnésio, manganês e leite pelo que deve tomar-se uma chávena diária de chocolate quente ou achocolatado ou “milk-shake”.

Óptimo para o fortalecimento ósseo, o magnésio é útil na absorção de cálcio, enquanto que o manganês é um mineral bom para a formação de cartilagem e colagéneo.

 

Gripe e Constipações

O chocolate possui flavonóides que contêm actividades anti-virais e anti-bacterianas, além de manterem o “stress” num nível baixo e fortalecer o sistema imunológico.

Por isso, uma chávena de cacau quente ou chocolate quente cremoso, usando pó de cacau natural fará a diferença.

 

Sinusite

A junção do chocolate com temperos ervas fortes, além de fortalecer o sistema imunológico, ajuda a desentupir os sinos nasais combatendo a congestão e previne a infecção dos sinos.

 

Tosse

O chocolate amargo contém aproximadamente 1.000 mg de teobromina, agente que ajuda a neutralizar a tosse, pelo que uma ou duas chávens de chocolate quente ou dois quadrados de chocolate com 70 % de cacau vão ser-lhe de grande utilidade.

 
 

Depois de toda esta informação, uma vez mais reforçamos a idéia de que o Chocolate deve ser consumido com moderação para que os seus efeitos benéficos não sejam neutralizados pelo excesso de consumo que pode trazer resultados nefastos.

Nunca se auto-medique, nem mesmo com os chamados “remédios naturais”. Lembre-se que ser “natural” não significa necessariamente ser “inócuo” e que o remédio que você poderá estar a ingerir pode ter contra-indicações, para o seu caso específico, que você desconhece.

A Organização Mundial de Saúde é bem clara neste sentido: o consumo diário de chocolate deverá ser de até 30 g.

 
 
 
 

 Fonte: “O Poder de Cura do Chocolate – Cal Orey”

 
 
 

Share on Facebook

Veja também:

 

Tags:

Deixe um comentário

 

 
  1. christina

    2 de Setembro de 2012 at 14:09

    Ola parabéns amei o seu cantinho super mega especial estou te seguindo para nao perder nadinha que vc tem por aqui….parabéns…

    venha conheçer os meus cantinho sera uma honra para mim…
    http://culinariachrisgipebube.blogspot.com.br/
    http://ministerioinfantilchrisgipebube.blogspot.com.br/

    um domingo abençoado para todos nós..
    chris

     
  2. Anabela

    13 de Julho de 2012 at 17:51

    Olá minha querida amiga !
    Excelente post, informações muito importantes e interessantes.
    Já conhecia alguns dos benificios do chocolate mas assim tantos não sabia, fantástico, porque eu adoro chocolate !!!
    Beijinhos e bom fim-de-semana !

     
  3. Guloso e Saudável

    13 de Julho de 2012 at 16:18

    Isabel,
    Como sempre, ótimo post, muito interessante, informativo e útil.
    Bom final de semana, beijo,
    Vânia

     
  4. Josy

    13 de Julho de 2012 at 12:02

    Isabel querida essas informações são tão excelentes quanto as primeiras, desconhecia vários beneficios que o chocolate tem, entre eles a insônia, pois achava que com ele, perdíamos o sono, sinusite, tosse e gripes para mim é uma novidade. Adorei saber que o chocolate acima de delicioso, tem beneficios excelentes.
    Isabel, ontem voce esteve em meu blog e disse que desconhecia a Maria Mole, assim como vc,muitas tiveram essa dúvida. Maria Mole é um doce muito apreciado aqui, se vc tiver um tempinho passe por lá. Hoje fiz um post explicando sobre a Maria Mole. Obrigada. Beijinhos. Excelente final de semana

     
  5. Cristina Fonseca

    13 de Julho de 2012 at 9:30

    hummm o que eu adoro aqui passar …
    a parte do auto-medicar … é que é complicado !! Adoro chocolate …. :))

    Beijinho e bom fim de semana!

     
  6. Irene Nagase

    12 de Julho de 2012 at 23:23

    Nossa!!! ADOREI o post!!! Vivendo e aprendendo… Estou aprendendo muito por aqui… Obrigada…
    Grande beijo, Irene